Transit

Transit

Um belo exercício cinematográfico de Petzold, que transita com uma fluidez fascinante as perspectivas histórica, política, social, existencial e romântica presentes na narrativa. Se a História é cíclica, como frisa nessa mistura da pretensa oposição entre passado e presente para atentar aquilo que se repete aos nossos olhos, tudo é transitório aqui: o amor, mas não as marcas deixadas por ele, e a nossa existência, que pode se esvair em um segundo, independentemente de suas preocupações do passado e sonhos de futuro.

Crítica completa: www.nervos.com.br/single-post/2019/04/18/Critica-EmTransito

Nayara liked this review